Milagres podem acontecer e em dias de quarentena tudo é possível, por isso não se surpreendem se coisas estranhas comecem a passar por aqui, inclusive a resenha de doramas, que de fato não é o meu entretenimento favorito, nem entram na lista em 2º ou 3º. Mas eu estava fuçando o blog alheio e vi a indicação desse, e sim, eu só assisti pela referência a Cinderela.
Já tinha assistido outro drama, Fated to love you, que eu gostei bastante e com esse não foi diferente. As minhas críticas geralmente são a respeito dos coreanos em si, não da trama ou do desenvolvimento do enredo, já que eu não sou fã do tema e pouco teria a acrescentar. Dito isso, vamos lá!
Cinderela e os quatro cavaleiros resumidamente conta a história de Ha Won (Park So-Dam) uma garota simples que mora com a madrasta e com a meia-irmã desde que seu pai casara de novo. Ele passa muito tempo fora de casa já que trabalha como caminhoneiro, e por isso não pode presenciar os contantes maus tratos que ambas fazem a garota. Mas tudo bem para Ha Won. Ela é otimista e tudo o que deseja é conseguir dinheiro suficiente para ir a faculdade. 
Sua vida muda completamente quando ela conhece um poderoso empresário que lhe faz uma proposta um tanto inusitada. Ela deveria morar com seus três netos e ensiná-los bons modos, assim como a viver em família. Hyun Min (Ahn Jae Hyun) é o mais velho herdeiro da família, além de ser mulherengo e com certeza o mais metido. Ji Woon (Jung II Woo) é rebelde e reservado, e Seo Woo (Lee Jung Shin) é o mais novo, sendo também um cantor famoso e adorado.
Os três possuem problemas de convivência e claro, dramas pessoais que precisarão lidar ao longo da estadia de Ha Won. Mas ela é uma garota bem otimista e que não desiste fácil, e fará de tudo para mudar a vida destes três caras.
Assim como o outro dorama que assisti, eu achei esse bem fofo e muito divertido. É notável o quanto os atores coreanos conseguem transpassar a ideia de ingenuidade e timidez. E é por isso que eu sempre reclamo. Ao mesmo tempo que eu acho tudo fofo, eu acho que é forçado demais. Até para andar eles são lentos! Eu sei que existe toda a questão da cultura estar impressa na obra, mas não me conformo com esse jeito apático/contido deles de se expressarem. Tem uma personagem que não esboçaria nenhuma reação nem se o pai dela tivesse morrendo na sua frente. Totalmente blasé. Pra cê ter uma ideia eu nem conseguia adivinhar se os personagens gostavam de alguém ou não porque a cara deles é tão de nada, que é impossível saber.
Mas falando sério, eu achei esse dorama super legal. Os dramas são bem trabalhados, e até o final da obra eles vão crescendo e ficando mais intensos. Tudo é muito intenso, essa é a verdade. Os coreanos gostam de coisas melodramáticas e dão super certo com isso. Além disso a Ha Won é uma fofa e muito divertida. Com tanto cara morando com ela foi impossível não shippá-lo com os três, mas é claro que meu coração bateu mais forte pelo badboy Ji Woon, que é o típico personagem cuzão que vai amolecendo depois que se apaixona. Seo Woo também é fofo e muito legal, um ótimo amigo. Já Hyun Min é um idiota quase o tempo inteiro. Mimado que só, ele fica se escondendo em uma pose de “tô nem ai pra tudo” mas na verdade se importa com um monta de coisa.
Mas vou ser bem sincera, na minha visão utópica da coisa, a Ha Won ficaria com o Lee Yooo-Chung, que é tipo o guarda-costas da garota. Eu gosto de homens sérios e ele é o meu crush real oficial agora. Homem gostoso da porra!
A série tem 16 episódios de 60 minutos cada, e eu devorei tudo em apenas dois dias. Pensei em dar chance para outros doramas mas vou tentar me arriscar a alguns mais ousados. Se souberem de algum, me avisem. No mais, eu super recomendo!
Posts criados 1379

11 comentários em “Dorama: Cinderela e os quatro cavaleiros

  1. Oi, Mi

    Morri com o primeiro parágrafo. Daqui a pouco vai estar pintando umas coisas estranhas lá no ME também se a situação continuar assim. Acho que vou postar umas receitas. Hahahaha
    Sobre o jeitão contido dos coreanos… não poderiam todos ser como Pyong Lee? Tirando a cagada no pai que ele deu, claro! Hahahahaha
    E sobre o dorama, então, vou ser honesta: zero interesse. Parece fofo mesmo, não nego (apesar dessa sua ressalva de parecer forçado e tal) mas me dá gastura pq todo mundo se parece, me dá um negócio nos zóio! Não rola. Hahahahahahhahahah

    Beijos
    – Tami
    https://www.meuepilogo.com

  2. Oi Mi!
    Assisti alguns doramas (3 no total haha) e gostei bastante, mas também me incomoda essa ingenuidade e as coisas demoram horrores pra acontecer. Mas acho fofinho e fico com sorriso no rosto mesmo assim! haha
    Já tinha visto algo sobre esse, mas não tinha me animado justamente por fazer alusão a cinderela. Vou tentar ver, gostei do que você falou!
    Beijos

    http://www.lendoeapreciando.com

  3. Fico feliz que tenha gostado da série, vc viu no meu blog, fiz um post falando sobre os doramas que tinha assistido recentemente.
    Mulher, concordo totalmente com você, amei a sua resenha do drama.
    É meio impossivel não gostar da personagem principal, é uma graça de menina, apesar de as vezes querer bater nela e no Ji Woon, achei o romance deles perfeito de mais, um dos melhores casais de dorama.
    Aí vai uma dica de drama que talvez você goste ou se irrite tambem kkkkk Mulheres de ferro, é diferente e tem uma pitada de sensualidade (isso pq é um dorama taiwanês).

    Beijos,
    Garota, Era uma vez

  4. Como já falei amei o dorama. Cada personagem respondeu as minhas expectativas. E teve um lance que ninguém percebeu. A Ha-won e o Ji-woon estavam destinados um ao outro.
    A história de sofrimento dos pais deles e a morte trágica de suas mães. Eram tão amigas que a mãe de Ji-woon confiou o último desejo a mãe da Ha-won que também pereceu.
    Então esse anel ficou 10 anos sobre o carinho da Ha-won onde depois de muito sofrimento chegou nas mãos do verdadeiro dono. Nada mais que o amor da vida dela Ji-Woon.
    Os pais agora descansam em paz sabendo que os filhos foram abençoados pelo todo "poderososenhor avô " do Grupo Haunel.
    Recomendo para assistirem!Parabéns aos idealizadores!

  5. Esse foi o primeiro dorama que assisti e amei a história… achei leve, divertida e muito fofa!! A Ha-won é muito fofa mesmo e desde o início torci pra ela ficar com o "rebelde"…( como eu não conseguia pronunciar os nomes dos personagens dei apelidos pra cada um… rsrsr) Tentei assistir outros na Netflix, comecei a ver o Love Alarm mas achei meio idiota… mas depois assisti "Romance is a bonus book" e achei lindo tb…a trama é bem diferente da Cinderella pois os personagens já são adultos e gira em torno de uma editora de livros… eu amei esse também e recomendo… como vc gosta de livros acho que vais gostar desse enredo também!

Deixe um comentário para Luiza Helena Vieira Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionados

Procura algo? Digite aqui e clicle em enter para pesquisar. e ESC para sair

Livros com músicos 5 motivos para ler Bone Crier’s Moon 5 autoras de romance de época para conhecer Compre agora o novo Kindle Paperwhite! Músicas para quem ama o universo de League of Legends