Indicação de livros safados, românticos e divertidos

Encontros inesperados, a série de contos especial do Dia dos Namorados

Encontros Inesperados é uma série de seis contos inspirados no Dia dos Namorados, escrito pelas maiores autoras de romance do momento. Eu li os seis contos e vim compartilhar minha experiência com cada um deles e qual foi o meu favorito.

Com um pouco de sorte – Ashley Poston

Anúncios

Audrey Love vai casar seu melhor amigo e como madrinha de casamento precisa organizar sua despedida de solteiro. O problema é que o noivo está tendo algumas dúvidas a respeito do casamento e após beberem todas na despedida de solteiro, ele simplesmente desaparece. Desesperados para encontrá-lo a tempo de se casar, ela se junta a Theo, o padrinho e melhor amigo da noiva. Audrey e Theo tiveram um pequeno affair no passado que não terminou bem, desde então eles nutrem uma animosidade, mas se quiserem fazer esse casamento sair do papel, precisarão trabalhar juntos.

O que eu achei? Foi meu primeiro contato com a escrita da Ashley Poston e eu gostei bastante dessa leitura. Ela tem a fama de trazer um toque mágico a suas histórias e aqui não foi diferente. O conto é divertido e a Audrey é meio louca, então foi bem engraçado acompanhá-la nesse conto.

A exceção à regra – Christina Lauren

Um e-mail enviado errado acaba unindo uma garota e um garoto. T. e C. trocam mensagens no Dia dos Namorados de cada ano e vão atualizando sobre suas vidas à medida que conversam, mas sem revelar nomes ou detalhes que acabem revelando suas verdadeiras identidades. Após dez anos e com a curiosidade aumentando, eles resolvem dar um passo além e se conhecerem pela primeira vez, mas mal sabem eles que estão mais perto um do outro do que imaginam.

Anúncios

O que eu achei? Não quis falar muito sobre a trama desse conto pra não dar spoiler, mas foi de cara o meu favorito. Poderia muito bem ser um livro de 300 páginas de tão apaixonada que eu fiquei nessa história. Como é construído em boa parte com os e-mails trocados pelos personagens ao longo dos anos, você fica na expectativa do momento que eles enfim vão se conhecer, até porque o próprio leitor não sabe a identidade deles, então acaba sendo uma surpresa pra todo mundo quando eles se veem pela primeira vez. Achei um conto fofo, romântico e que me deixou com o coração quentinho. Amei muito!

Namorado Real – Sariah Wilson

Ilaria é uma princesa de um pequeno reino e desde muito cedo atraiu a atenção da mídia. Mas essa atenção constante tem cobrado seu preço e ela está cansada disso, ainda mais na véspera do Dia dos Namorados. Ela está em Roma, em uma das cidades mais românticas do mundo, e está disposta a aproveitar o dia turistando como uma mulher solteira normal. Para isso ela troca de lugar com sua assistente Anne, que é um pouco parecida com ela. Sem a restrição de saberem sua identidade em uma cidade que ninguém a conhece, Ilara acaba topando com um escocês lindo e charmoso. Porém, ele acredita que está se envolvendo com uma pessoa que ela não é, e ela sabe que deverá contar a ele a verdade antes que o dia termine.

O que eu achei? Também foi a primeira vez que li algo da Sariah e eu amei a escrita dela. Esse é um dos contos que mais parece filme da Netflix. É previsível, fofo e romântico na medida.

O pior cupido do mundo – Abby Jimenez

Anúncios

Holly é uma enfermeira terminal que está passando por dias difíceis no trabalho e na vida pessoal. Isso porque sua avó é sua paciente e faltam poucos dias para ela ceder a sua doença. Bem no Dia dos Namorados, ela vê um cartão preso no seu para-brisas e percebe que foi endereçado errado. Ela escreve um bilhete para a pessoa que pôs o cartão ali avisando sobre o erro e deixa no mesmo lugar que estava o cartão. E assim ela e um homem desconhecido começam a conversar através da troca de bilhetinhos deixado no para-brisas do carro dela.

O que eu achei? Esse foi o conto mais emocionante de todos, tanto que até chorei lendo ele. A Abby sempre traz emoção nas suas histórias, o que é bem característico dela, e você consegue perceber isso nesse livro. Também cria-se uma expectativa no leitor da gente ver os personagens se conhecendo, já que em vários momentos eles acabam se desencontrando, mas além do romance, a autora também traz a família da mocinha e seus momentos preciosos com a avó, que foram momentos lindos. Eu amei demais esse conto e também foi um dos meus favoritos.

Rosie e o Deus grego – Sally Thorne

Anúncios

É Dia dos Namorados e Rosie resolve passar a data especial com sua irmã em um dia no spa. Tem vários tratamentos no pacote que ela pagou, mas para seu azar, ela acaba ficando presa dentro de um tanque de flutuação caríssimo. Sem poder sair e com claustrofobia devido ao pequeno espaço, os bombeiros são acionados e é ali que ela conhece Leo, que ficou encarregado de conversar com Rosie e acalmá-la enquanto o resgate é feito. Durante três horas, Rosie e Leo vão conversando e se conhecendo cada vez mais, até que a vontade de sair dali e ver o rosto dele se torna mais urgente.

O que eu achei? Adorei esse conto! Achei ele jovial, leve e divertido, mas com um toque de sensibilidade também. É um dos contos mais simples mas que me cativou do início ao fim. Gosto demais da escrita da Sally e fazia tempo que não lia algo dela, então foi ótimo matar a saudade.

Tremendo de paixão – Jasmine Guillory

Daisy é tão apaixonada por doces que até tem uma padaria favorita, mesmo que o dono dela aparentemente não goste nenhum pouco da sua presença. No Dia dos Namorados ela está indecisa se vai ou não ao lugar comprar suas sobremesas favoritas, até que resolve ir, mas assim que chega na entrada, um terremoto de grau 6 acontece, deixando ela e o dono da padaria presos um com o outro. É neste momento em questão que ela vai perceber que os grunhidos de irritação dele talvez não sejam sinal de que ele não gosta dela.

Anúncios

O que eu achei? Esse foi o conto que eu menos gostei. Foi o primeiro contato com a escrita da autora e eu acho que pelo fato de ser narrado em 3ª pessoa, destoou bastante dos demais contos que são narrados em 1ª pessoa. Isso por si só acabou dificultando eu me conectar com a mocinha, além disso achei que ela pensava demais e agia pouco na história. Mas o desenrolar da trama é bem fofo e no final, eu acabei gostando mais do que imaginei.

Um fato interessante sobre os contos é que todos eles tem algo que os interliga, seja um cenário, uma pessoa ou um lugar. Isso faz com que todos acabem fazendo parte do mesmo universo, apesar das histórias diferentes. Além disso, tem vídeo no canal comentando mais sobre eles e você pode assistir aqui abaixo.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

One comment on “Encontros inesperados, a série de contos especial do Dia dos Namorados

  1. Oie
    Não conhecia essa série, parece ser muito boa!
    Fiquei feliz de encontrar aqui, fazia tempo que não visitava os blogs e hoje resolvi procurar os que eu tinha costume de comentar. Que legal! Quero seguir te acompanhando, eu adoro o mundo dos blogs. Bjs

Plugin WordPress Cookie by Real Cookie Banner
Rainha das Lágrimas, o novo drama coreano da Netflix Livros, aparelhos e kindle unlimited, confira algumas ofertas da Black Friday Vermelho, branco e sangue azul, o novo filme queridinho dos leitores Um livro para cada era da Taylor Swift Livros para quem amou a série Rainha Charlotte