[Resenha] Uma chance para recomeçar – Diana Scarpine

Carina é uma workaholic rica e bem-sucedida cuja vida se resume ao trabalho. Afogada em estresse, ela não se importa com a solidão que habita seu coração, pois o amor nunca foi uma das suas prioridades, até que algo inusitado acontece. Repentinamente, ela se vê privada do trabalho e deseja aplacar a solidão que a consome, principalmente quando conhece Aurélio, que a trata de uma forma diferente da qual ela está acostumada. Consumido pela tragédia que vitimou sua família e deixou-lhe sequelas físicas e emocionais, Aurélio não quer nada além de se afundar cada vez mais na dor e na culpa que sente. Suas certezas começam a ficar abaladas à medida que Carina se aproxima cada vez mais dele. Quantos obstáculos precisam ser vencidos para recomeçar? O amor é capaz de vencer as amarras do passado e o preconceito?

Romance | 432 páginas | Editora Pandorga |  Este livro foi cedido em parceria com a autora

Carina é uma moça que se dedica em tempo integral ao trabalho, fato que acabou a tornando uma workaholic. O problema é que Carina acabou tendo uma paralisia facial de tanto estresse e pressão que sofria no trabalho. Com medo da rejeição das pessoas e de nunca mais voltar a ser como era antes, ela começa a fazer fisioterapia para tentar resolver o problema. Lá nessa clínica, ela acaba esbarrando em um homem que estava sentado na frente do prédio. Com vergonha, Carina não olha para ele e apenas pede desculpas. 
Esta pessoa viria a ser Álvaro, um dos massagistas da clinica. Quando mais novo, Álvaro sofreu um acidente de carro que matou sua mulher e sua filha, além de deixar 50% do seu corpo queimado e o deixado cego. As sequelas que ficaram em seu corpo assustam as pessoas e ele mesmo se denomina um monstro por causa delas. Carina acaba marcando uma massagem com Álvaro e se assusta com sua aparência e com suas mãos deformadas. Mas há algo nele que lhe é estranhamente atraente e assim Carina tenta se inserir na vida de Leo como uma amiga, coisa que ele não quer, já que depois de tanto tempo, Carina começou a despertar sentimentos nele que ele não quer entender.
Foto por Leitora Encantada

Como poderia estar gostando de outa mulher se ainda ama sua falecida esposa? O que ele poderia oferecer a uma moça rica e bonita sendo que ele não tem absolutamente nada além de sua grotesca aparência? Será que Carina apenas estava sentindo pena dele e na verdade estaria rindo em suas costas? Os dois precisarão ultrapassar as barreiras do preconceito e dos próprios medos se quiserem ficar juntos, e assim embarcamos em uma linda história de amor e superação.

MINHA OPINIÃO
Uma chance para recomeçar é um livro lindo, cheio de carinho, temas importantes e muitas lições para dar. Carina é uma mulher que vive para o trabalho. Sendo considerada ‘normal’ em vista da beldade que é sua irmã, ela nunca namorou e vive seus dias solitariamente. Após conhecer Álvaro, Carina sente um desejo e uma atração que nunca sentiu por alguém, o problema é que Álvaro é fiel a imagem da falecida esposa e faz de tudo para afastar Carina. Até quantos golpes ela levará até desistir de correr atrás dele?
Foto por Leitora Encantada
Álvaro é um homem atormentado pelo passado e suas cicatrizes só pioram isso. Antes ele era másculo, bonito e charmoso, hoje as pessoas sentem medo dele e ele faz de tudo para tentar esconder suas marcas com uma máscara no rosto, que oculta também suas expressões e emoções. Álvaro não entende como Carina pode gostar dele e acredita que ela está apenas fascinada por ele ser tão diferente. Essas dúvidas acabaram fazendo com que os personagens acabassem se desejando mas colocando diversas barreiras para que não pudessem ficar juntos. O livro inteiro se resumiu em más interpretações das frases e ações dos personagens. Acredito que eles teriam evitado tanta dor e sofrimento se simplesmente tivessem tirado um tempinho para refletir e conversarem, coisa que somente aconteceu no final do livro.
Mesmo assim, o romance entre eles é maravilhoso. Torci para que eles deixassem suas diferenças e fossem viver felizes e olha, todo momento de briga e desentendimentos entre eles, era um momento de tristeza para mim. Conseguimos entender perfeitamente os sentimentos dos personagens, nos aprofundando em suas dores e inseguranças, o que torna tudo mais real. A autora também traz temas bastante importantes de forma nua e crua como a cegueira, o preconceito e a autoaceitação. Aurélio ainda tem preconceito por si mesmo, e ele somente poderá ser feliz com Carina depois que superar isso e sua culpa pelo acidente.
Foto por Leitora Encantada
A escrita da autora é maravilhosa e muito poética, mas fiquei irritada com o excesso de palavras repetidas. Acredito que li “Perdoe-me” no mínimo umas cinquenta vezes, o que acabou cansando. Outro problema é que a autora usou muitas palavras bonitas do dicionário, dando um banho de português para nós leitores, o problema é que fez com que o texto ficasse menos natural, já que normalmente ninguém diria palavras tão complexas em algum diálogo.
Fora isso, o livro é lindo! Tem uma capa perfeita que condiz com a história e  uma diagramação bem simples mas delicada. A construção dos personagens é maravilhosa e fica impossível não gostar deles e acabar os chamando de amigos. O livro é real, intenso e romântico, perfeito para os amantes do gênero.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 thoughts on “[Resenha] Uma chance para recomeçar – Diana Scarpine

@blogcapitulotreze

O livro de cada signo Rankeando os livros da série Bridgerton 10 livros mais abandonados pelos leitores de acordo com o Skoob Como melhorar seu inglês em pouco tempo 5 cafeterias para conhecer em Brasília