I met Bianca in an elevator.She was on her way to interview me when we got stuck.
The beautiful raven-haired reporter assumed I was a delivery guy because of the way I was dressed.
She had no clue I was really Dex Truitt, the wealthy, successful businessman she’d dubbed “Mister Moneybags”―her afternoon appointment.Bianca told me how much she hated Dex’s type―snobby, over educated, silver-spooned men who didn’t appreciate the simple things in life.So, after the elevator finally started moving again, I cancelled the interview and let her believe I was someone I wasn’t―a bike messenger named Jay. I loved the way she looked at the fake me and didn’t want it to end.I began dating her as “Jay”―all the while letting her interview the real me over email.I didn’t expect that our chemistry online would be just as hot.
I didn’t expect the mess I’d gotten myself into.
I didn’t expect that Jay and Dex would fall in love with her.
And she was falling for two men.
Only, both men were me.
And when she found out, we were both going to lose her.
Nothing could have prepared me for that day. And I certainly wasn’t prepared for what came after.All good things must come to an end, right?
Except our ending was one I didn’t see coming.

Romance | 320 páginas | Editora EverAfter Romance
Bianca George trabalha como repórter freelance em uma revista de Finanças e por isso ela conseguiu uma entrevista com o famoso porém reservado empresário Dexter Truitt. Sua aparência é uma incógnita já que o tal homem não é dado a aparecer na frente dos holofotes. A entrevista surgiria neste momento para ele enfim sair do anonimato.
Enquanto se preparava para a entrevista, o elevador que Bianca está acaba sofrendo uma pane, que deixa ela e outro homem presos durante um tempo. Nervosa, a garota começa a abrir a boca e conta ao cara quem vai entrevistar e todas as suas impressões que ela tem do tal Dexter. E nenhuma é boa. Só que o tal homem que ouve tudo não é somente o próprio Dexter como também fica pasmo com todos os pensamentos que aquela moça que nem o conhece tem sobre ele. O problema é que ela o deixou intrigado e se não fosse sua identidade, ele provavelmente a levaria para a cama.
Em um impulso ele acaba mentindo sobre quem é e se apresenta como Jay, um reles carteiro. Bianca logo se interessa por ele afinal Jay é bonito e parece ter um humor sagaz. Assim que o elevador libera, Dex sai desesperado para cancelar a entrevista. Agora que ele mentiu sobre sua identidade, Bianca não pode vê-lo. Ele propõe que as perguntas sejam feitas via-email, coisa que deixa a garota indignada, mas que acaba aceitando.
Só que apesar do que ela acha, a conversa com Dex é bem interessante e todas suas convicções que antes tinha sobre ele, acabam mudando. Agora que Bianca está interessada nele como Dexter, ele precisa sumir com Jay, mas como relevar a mentira que inventou sem acabar com suas chances de ficar com a garota?
Mister Moneybags é mais um livro da dupla dinâmica Vi e Penelope. Pela minha conta, ele é o quarto livro de uma série e ainda não foi publicado aqui no Brasil. Apesar do que a sinopse faz parecer, a trama não gira em torno da mentira de Dexter. Pelo contrário, tem outros eventos que permeiam a narrativa que pode ou não fazer o casal se separar, e isso foi o que me chamou atenção. Nos romances a gente é acostumado a sempre ter um vilão, alguém que tenta separar o casal a qualquer custo. Mas em Mister Moneybags isso não acontece. Há uma maturidade nos personagens impressionante e mesmo que eu achasse que as autoras iriam correr para um caminho óbvio, elas acabam me surpreendendo. Então não espere picuinhas entre ambos, pelo contrário, você irá encontrar algumas circunstâncias que os personagens sofrem mas que não são causados por eles que podem acabar por abalar essa relação. A forma como eles lidam com isso que é mais interessante ainda. Ao invés de correrem e fingirem que a coisa não tá acontecendo, eles são maduros o suficiente para tentar resolver o problema juntos.
E com isso abro meu espaço para falar do Dexter, que é de fato o personagem que mais me cativou na trama. Se você acha que todo livro romântico cai no estereótipo de homem rico possessivo e bruto, você vai se surpreender com essa história. Apesar da mancada lá no início, Dexter é um homem bem resolvido, que admite seus erros, procura a forma de melhorar, e que valoriza muito a Bianca. A confiança que eles tem na relação é muito legal e foi bem explorada. Ele não faz joguinhos sobre querer ela, na verdade ele se abre e é muito sincero sobre seus sentimentos e pronto. Nada de mimimi aqui.
Bianca é uma personagem muito carismática também. Entendemos seu lado muitas vezes, principalmente em relação a mentira de Dex. Ela é até bem resolvida mas uma situação do passado fez com que ela acabasse tendo alguns problemas de confiança. É Dexter que vai ajudá-la com isso, ironicamente.
Eu adorei o enredo mas acho que esse livro foi um pouco apagado. Amo as histórias das autoras mas sabe aquele livro que você acha que tá faltando brilho? Mister Moneybags me causou essa sensação. Acho que esperava mais, mas nem isso mudou minha opinião. As surpresas que tive ao longo dos acontecimentos realmente me cativaram e eu fiquei apaixonada pelo Dexter, então eu indico a obra com vontade a aqueles que adoram um bom romance.
POSTADO POR MIRIÃ MIKAELY
Posts criados 1379

5 comentários em “Mister Moneybags – Penelope Ward & Vi Keeland | Resenha

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionados

Procura algo? Digite aqui e clicle em enter para pesquisar. e ESC para sair

Compre agora o novo Kindle Paperwhite! Músicas para quem ama o universo de League of Legends Spoiler: 3º ato de Arcane Músicas com representatividade LGBTQ+ Bully Romance: o que é + indicações