Oi gente! Vocês sabem o quanto eu sou apaixonada pelos young adults. São esses tipos de livros que me fazem sempre pensar a respeito de temas que pra mim são desconhecidos, e é sempre legal trazer essas reflexões depois que a gente termina uma leitura. E se você ainda não conhece o gênero, eu trouxe quatro motivos para você começar a lê-los!

1. Personagens adolescentes com desenvolvimento

Muitos acreditam que pelo gênero YA focar em adolescentes, os personagens são pouco maduros e um tanto quanto superficiais. Em alguns livros isso realmente acontece, mas não são todos. Uma das características mais presentes no gênero, é que além da idade dos personagens, eles sempre tem personalidades complexas e ganham bastante desenvolvimento durante a narrativa. E justamente por terem essa personalidade humanizada, ver o crescimento deles é muito interessante porque acabamos aprendendo com os personagens, sentimos suas dores e torcemos para seu final feliz. 

2. Emoções a flor da pele

Os YAs são muito sensíveis e tocam profundamente aquele que está lendo. E o legal é que cada autor consegue trazer uma essência diferente à história. Ás vezes tem o mesmo plot que vários livros por aí, mas consegue te tocar de forma diferente. Impossível terminar uma obra sem se sentir profundamente emocionado. Eu até choro ás vezes KKKKK

3. Highschool

Eu não sei vocês, mas uma das coisas que eu mais gosto nos livros é onde acontece as histórias. Isso pode ser new adult, romance, drama ou qualquer outra coisa. Se tiver um colégio/faculdade sendo representado, eu já quero ler. E como é meio óbvio, os YAs tem como background o highschool (até porque todos os personagens geralmente estão no ensino médio). E pra mim é muito legal porque eu sinto muito mais empatia pelos personagens, já que também passei por essa fase, sofri por causa de crush e por causa de bullying. Eu acho que enriquece a trama trazer questões reais e mais palpáveis ao leitor. 

4. Críticas e mais críticas

Apesar dos personagens serem jovens, os YAs são muito críticos em seus enredos. Eles sempre abordam temas complexos e que permeiam a vida de vários adolescentes hoje em dia. Tem sim questões como drogas, sexo, assédio e muitas tretas que envolvem tudo isso. São críticas bastante interessantes e que merecem sim serem abordadas e discutidas, principalmente sobre os temas tabus.
Me conta, você gosta de ler young adults? Se sim, por qual motivos? E se não, o que tá esperando meninas? Diz aí!

Posts criados 1379

18 comentários em “4 motivos para você começar a ler YAs

  1. Eu amo YAs. Comecei a ler sem compromisso e sem saber sequer que o gênero existia e agora esse é um amor que já dura anos hahaha
    Eu achava mais fácil de me identificar e as tramas eram mais divertidas mesmo em livros mais pesados.

    Abraço,
    Parágrafo Cult

  2. Oii Mi

    Eu adoro esse ambiente de high school também, principalmente quando os personagens já estão naquela final, indo pra faculdade. O legal dos YA é que a maioria sempre investe forte nas relações familiares, a presença dos pais/ irmãos etc é sempre mais importante que em outros gêneros e acho isso bem bacana. Também sou fãzona do gênero.

    Beijos

    http://www.derepentenoultimolivro.com

  3. Olá, Miriã.
    Eu gosto do gênero, mas não está entre meus favoritos. E um dos motivos que você citou, emoções a flor da pele, é uma das coisas que mais me irrita. Tem horas que não aguento tanto drama hehe.

    Prefácio

  4. Oi, Mika!
    Eu gosto de alguns livros desse gênero, mas quando se passa em escola, eu já desanimo um pouco. Acho que acabei passando dessa fase e acho tudo muito infantil, sabe? Já os NA me ganham desde o começo, principalmente os que se passam em faculdades hahahaha Acho que já são um pouco mais maduros.
    Beijinhos,

    Galáxia dos Desejos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionados

Procura algo? Digite aqui e clicle em enter para pesquisar. e ESC para sair

Conhecendo termos literários Como limpar seus livros e a sua estante? 5 formas de ler e-books 5 livros com CEO que não são babacas 8 livros para chorar