Se você voltar para mim – Bia Carvalho | Resenha

Nós nos apaixonamos, nos casamos e tivemos um bebê.Felizes para sempre?Não foi bem assim…Eu perdi a mulher da minha vida em um acidente.Não… ela não morreu, mas acordou completamente desmemoriada e precisou depender de outras pessoas para lhe contarem quem era antes de tudo acontecer.Só que tudo que lhe ofereceram foram mentiras.Um ano depois nos reencontramos, e só então descobriu que era casada e tinha um filho. E também que me fizeram acreditar que ela nos abandonara por livre e espontânea vontade.Agora que voltou para mim e que descobri a verdade, quero protegê-la e reconquistá-la, mesmo que nunca mais recupere suas lembranças. Mesmo que eu precise fazê-la se apaixonar pelo mesmo homem uma segunda vez.

Victor e Micaela foram casados durante cinco anos. Até o fatídico acidente que deixou Micaela sem memória. Duas semanas depois, ela fez uma ligação para ele dizendo que não queria ser mais sua mulher, e muito menos mãe. 
Mesmo após um ano que Micaela resolveu ir embora, Victor ainda não superou a paixão pela ex-mulher. E esse sentimento será colocado à prova agora que ela resolveu surgir inesperadamente dizendo que não sabia que tinha um marido e um filho. 
É claro que Victor não acredita nas desculpas da esposa, mas ele fará de tudo para descobrir o que está acontecendo e se possível reconquistá-la no processo.

Eu não fazia ideia de como tinha chegado ali e o que tinha lhe acontecido, mas ela estava de volta.

Se você voltar para mim é o spin-off de O lado agridoce da vida mas pode ser lido separadamente. Aqui temos Victor, o detetive que ajudou Poliana e Henrique a conseguir a guarda de Clara. Mas agora é ele que precisa lidar com seus próprios problemas. 
Fica bem claro o quanto Victor ainda é apaixonado por Micaela. Apesar de todo o ressentimento, o que ele mais deseja é que ela surgisse outra vez em sua vida dizendo que voltou para ficar. E é justamente isso que acontece. Só que ao invés de desculpinhas fáceis, Micaela realmente não se lembra dele e muito menos do filho Theo, de apenas um ano. O pior é que esconderam dela essa informação… agora Micaela tentará recuperar o tempo perdido, enquanto Victor precisa voltar a conviver com sua esposa.

Eu não poderia mencionar só uma coisa, poque quando eu fecho os olhos, você é tudo o que eu vejo. Isso nunca mudou.

Existe uma tensão sexual bem grande entre eles, mas como Micaela não se lembra nem um pouco dos momentos que passou com o marido, é bem estranho para ela conviver com uma pessoa que te conhece tão bem, mas que não faz noção de quem seja. E isso magoa muito Victor, que acreditou que assim que estivesse ao lado dela, as lembranças voltariam fáceis. O que não é o caso.

Você vai lembrar, Micaela. Eu vou te fazer lembrar. Vamos descobrir o que aconteceu e recuperar a nossa família.

Aqui iremos ver um casal se reconstruir aos poucos, reafirmando seus sentimentos um ao outro, como se fosse a primeira vez. A autora foi bem delicada ao escrever as cenas, mostrando toda a emoção reprimida de Victor e o aprendizado de Micaela. Apesar disso, confesso que não me conectei tanto com os personagens como gostaria, e isso pode ter feito com que minha experiência não fosse tão gostosa quanto a do primeiro livro.
Temos também Theo, o pequeno bebê de Victor e Micaela. Mesmo não aparecendo muito, as interações dele com Micaela aqueceram meu coração e foram muito fofas. Ver ela descobrindo mais sobre a maternidade com certeza foi um tiro certeiro para uma pessoa romântica como eu.

Não importava quanto tempo fosse levar, ela seria minha novamente. E daquela vez nada mais iria nos separar.

Assim como o livro anterior, o envolvimento do personagem demora para acontecer. A autora constrói toda uma estrutura para o romance, e por isso os personagens só vão ficar lá no finalzinho do livro, o que pra mim funciona muito bem. A única coisa que eu não curti tanto, talvez nem seja a palavra certa, mas foram os furos da história. As explicações que fizeram Micaela sumir e voltar somente um ano depois para mim não foram tão plausíveis como eu preferia, maaaaas, estamos falando de um romance, né, então dá pra relevar.
Apesar da temática lembrar Para Sempre, o livro vai um pouco além disso. Ele tem suas próprias resoluções e por isso inova nos argumentos, mesmo que sejam um pouco forçados. Eu ainda gosto mais do primeiro livro, mas Se você voltar para mim é uma história gostosa de acompanhar também. Super recomendo!

Se você voltar para mim | 214 páginas | Editora Amazon | Nota: 4/5

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

24 thoughts on “Se você voltar para mim – Bia Carvalho | Resenha

  1. Olá, Miriã.
    Então o ponto que você citou como negativo foi a primeira coisa que pensei. Esse negócio tá muito estranho. Se sou eu no lugar dela ia pesquisar antes de acreditar em alguma coisa que me dissessem hehe. E quem foi essa pessoa sem coração que deixou uma criança sem a mãe, gente. Me interessei e se der vou ler ele.

    Prefácio

  2. Olá Miriã!
    Achei a história bem fofa e se entendi direito, tudo é contado pelo ponto de vista de Victor, certo? Não é comum vermos esse tipo de história ser contado por um homem, por isso a obra já tem um ponto positivo pela inovação da autora. Porém eu sou um pouco critica em relação a veracidade dos fatos, e quando você diz que os motivos para que Micaela ter ficado afastada por tanto tempo são um tanto inverossímeis eu fico com o pé atrás na leitura. Livros com bebês são sempre muito emocionantes né? Eu adoro também.
    Beijos

  3. Eu li a resenha O lado agridoce da vida e me interessei pela leitura, já sobre o spin off aconteceu a mesma coisa. Os dois livros falam sobre família, mas cada um de sua forma, o que deixa tudo mais gostoso.

  4. Miriã!
    Apesar do sumiço não ter tido uma explicação plausível e você não ter se conectado tanto com a protagonista, sempre quando tem criança em um livro de rmance, fico encantada e totalmente envolvida com a leitura.
    cheirinhos
    Rudy

  5. Oi, Mi! Tudo bom?
    Eu aaaaaaaaaaaamo um drama com perda de memória e acho que nunca li nenhum livro com essa temática. Uma das minhas comédias românticas favoritas é aquela da Drew Berrymore e do Adam Sandler porque a premissa de amor que não se apaga é muito FOFA.
    Não conhecia o livro, mas fiquei curiosa e vou procurar!

    Beijos, Nizz.
    http://www.queriaestarlendo.com.br

  6. O livro parece ser muito bom mesmo, apesar dos furos (o que eu acho que me deixaria muuuito frustrada se eu lesse). Uma pena você não ter conseguido se conectar com os personagens, a história toda parece ser muito fofa mesmo com todo drama.
    Beijos

  7. Olá! Ai ai com essas capaz lindinhas, fica até difícil resistir (risos). Fiquei encantada com a primeira história, então, é claro, que essa já me interessou, apesar de num primeiro momento não ir muito com a cara da nossa protagonista, como assim Brasil, deixar para trás o próprio filho, ai ai ai que eu espero que o motivo seja definitivamente plausível, mas pelo que pude ler, não serei facilmente convencida neh!

  8. ola
    ainda não li o primeiro livro e esse me pareceu ser tão fofo
    adoro quando a autora constroi a relação dos dois aos poucos e quando tem bebe então dá mais vontade de ler

  9. Que resenha é essa, meu Deus??
    Ainda não conheço os trabalho da autora, mesmo sim, sendo elogiados demais da conta e pelo que li acima, é uma história daquelas de doer o coração.
    Me lembrou muito o filme Para Sempre que particularmente eu adorei.
    Claro que já vai pra lista dos mais desejados!!!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

  10. Consigo pensar em pelo menos dois filmes e um livro com essa temática.
    Não julgo a mulher, também acharia bizarro ter alguem que me conheça nos detalhes mas que eu desconhecesse o homem, acharia que era um stalker kkkkk
    E gnt quem foi o desalmado que mentiu e fez ela abandonar a familia? Parece ser um pouco agonizante ler com uma protagonista assim, vc fica na tensão dela relembrar as coisas, SE ela conseguiria lembrar, quando aconteceria…. Ia querer dar uma espiadinha pro final rs

  11. Apesar de eu não ter lido o livro, eu achei tudo muito estranho. Eu fiquei com a impressão de que a autora quis fazer uma linda história após o acidente de Micaela, mas que ao escrever acabou se perdendo??? Gostaria de lê-lo pra tirar uma conclusão melhor sobre ele, mas confesso que o lance dele querer voltar com ela, mesmo ela não lembrando de nada, não me convenceu.

  12. Oi!
    Parece um pouco confuso depois do acidente o sumiço de Micaela.
    A trama envolve o leitor vendo o que o casal faz e passa para terem um pouco da relação de volta, como choro bastante teria que ter lenços junto comigo.
    Mesmo que o bebê não apareça tanto no enredo pela descrição as cenas de Micaela com Theo parece ser lindas.
    Quero poder ler, beijos.

  13. Oii,
    Achei bem legal a trama.
    Mas aparecer depois de um ano forçou mesmo kkkk
    Mas que dó da Micaela, muito triste perder a memória e parte de quem é assim.
    O Victor parece ser um bom marido, e bastante paciente com todas essas mudanças com a esposa.
    Parece ser tipo sessão da tarde, vou querer ler !
    Bjs

@blogcapitulotreze

Livros baseados na história de Cinderela Por quê você precisa assinar o Amazon Prime? 8 motivos para assinar o Kindle Unlimited Todas as edições de Harry Potter publicadas no Brasil Como economizar na hora de comprar livros?