Amor à segunda vista – Mhairi McFarlane | Resenha

Sinopse: E se a pessoa de quem você mais fugiu no passado fosse agora de quem você precisasse? Anna era o patinho feio da escola, mas seguiu em frente e hoje, apesar de uma vida amorosa tragicômica, é feliz e realizada. Amor à segunda vista é sobre aceitar quem somos de verdade e ficar feliz com isso. Os leitores vão rir e lembrar que o mundo dá voltas, queridinha; afinal, tudo é possível, no amor e na vida.

Romance | 382 páginas | Editora HarperCollins

Aureliana Alessi passou por uma terrível humilhação no último ano do ensino médio. Ela sempre fora gordinha e considerada feia, uma pária social, e por isso, a escola inteira vivia pegando no pé dela, praticando bullying e a fazendo se sentir cada vez pior. Em uma apresentação da escola, chamada Mock Rock, ela teria que imitar alguém famoso com a fantasia mais inusitada possível, e foi então que James Fraser, um dos garotos mais bonitos e populares da escola, e por quem Aureliana sentia uma paixonite, chamou-a para fazer par com ele. Ela só não esperava que quando subisse ao palco, todos os estudantes da escola iriam jogar doces nela, mas foi James chamando ela de ‘Elefante’, que ficou gravado em sua mente e definiria a vida de Aureliana dali em diante.

Agora com 32 anos e com o nome de Anna, ela está passando por um momento maravilhoso na carreira já que é professora de História em uma Universidade. Porém, chega o convite para um reencontro dos alunos de 1997, aquele fatídico ano que mudou a vida de Anna. Ela não sabe se deve ir. E se for? Será que as pessoas iriam ficar surpresas com seu novo corpo, já que emagreceu 25 kg e pode ser considerada uma mulher bonita? Talvez se ela fosse, ela poderia enfim encerrar um capítulo da sua vida. Mas quando chega lá, ela não somente se decepciona ao perceber que ninguém a reconhece como também reencontra James Fraser. E agora? O problema é que a empresa onde James trabalha foi contratada pela universidade onde Anna é professora, e pelo visto, eles terão que trabalhar juntos.
James não somente não lembra quem ela é, como acredita fielmente que Anna se trata de outra pessoa, além de ser muito educado e gentil com ela. O que poderia acontecer se ela descobrisse estar se apaixonando pelo cara que conduziu o pior momento da vida dela quando adolescente?
Foto por Leitora Encantada

MINHA OPINIÃO

Amor à segunda vista é um romance fofo digno de filmes de Sessão da Tarde. Com uma escrita viciante e muito bom humor, Mhairi conduz a história de maneira simples e despreocupada. Tudo poderia ser um grande clichê, e realmente é, mas ver as trapalhadas e os reencontros de Anna e James foi muito mais que divertido, foi completamente prazeroso.
Foto por Leitora Encantada
Anna é uma moça insegura, e mesmo tendo emagrecido e praticamente se tornado outra pessoa, ela ainda não é capaz de receber elogios sinceros de outras pessoas, já que acredita que não os mereça. O que eu mais gostei nela foi a capacidade de se reerguer em meio aos problemas, seu ceticismo era notável, mas o fato da Anna ainda ser apegada ao passado me incomodou muito. Tudo o que eu queria era que ela esquecesse tudo, seguisse em frente e fosse feliz.
O bullying não é o tema principal do livro, mas ele é bem abordado de uma maneira que mostra o quanto as pessoas afetadas por ele podem se sentir inferiores e indignas de qualquer coisa. Anna se sentia desse jeito, como se não merecesse o amor das pessoas e exorcizar seus medos e inseguranças era o passo fundamental para que ela pudesse começar a ter mais auto confiança.
Foto por Leitora Encantada
James não é um santo, mas é inevitável não gostar dele durante o livro. Suas ações na adolescência refletem o quão imaturo e idiota as pessoas podem ser quando estão no ensino médio e a aparência é sua única preocupação de vida naquele momento. Não é uma maneira de justificá-lo, mas entendo que para algumas pessoas, zoarem outras é uma forma de defesa, o que não os tira da culpa.
Foto por Leitora Encantada
O romance entre eles nasce através de uma amizade bem conturbada, coisa que eu achei muto viável. James é casado, está passando por um processo de separação longe de sua mulher, e por isso, Anna é como um sopro de ar fresco em sua vida, mas como todo personagem masculino de romances, ele demora muito para perceber e entender seus sentimentos. Ou seja, temos várias e várias reviravoltas ao longo da história.
Meu único problema com o livro foi que a edição está um pouco ruim, então eu me via dentro de diálogos sem saber se eram falas ou pensamentos. Fiquei um pouco confusa com isso, mas a capa do livro está maravilhosa e muito fofa. Outra coisa que me incomodou foi o tanto de referência que a autora usou ao longo da narrativa, e muitas vezes me via perdida e sem entender as referências. Fora isso, fiquei apaixonada pela obra e pela autora e com certeza vou adorar ler outros livros dela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 thoughts on “Amor à segunda vista – Mhairi McFarlane | Resenha

  1. Oi, Mi

    Eu tenho esse livro, mas ainda não li. Eu acho que a autora tem algum problema com personagens casados… creio que ela não acredita muito na instituição do casamento. Em Desde o Primeiro Instante também tinha um casamento falido… é um caso a se pensar.
    Eu acho que entenderia a Anna… acho que a questão de não ver o elogio como algo bom é comum em quem passa por esse processo. Eu, por exemplo, perdi 30 quilos… fui uma adolescente gorda e sofri muito bullying, então quando eu emagreci eu simplesmente não aceitava elogio. Estava tão acostumada a ser sacaneada que quando um elogio vinha eu pensava que era sacanagem também, entende? rss
    Vou arrumar um tempinho pra ler o livro qualquer dia desses.

    Beijos
    – Tami
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

  2. Oi, Tami. Eu vi algumas semelhanças entre os livros, já que também li este, mas o negócio do casamento do James é diferente do outro personagem, já que um vai se casar e o outro foi praticamente abandonado pela mulher entende? Tem essa coisa, mas as histórias são diferentes. Espero que leia e goste.

  3. Parece um amorzinho de livro mesmo! Não sei se simpatizaria com o James, ás vezes pego ranço dos personagens quando eles fazem coisas más, sabe? Maaaas se ele realmente mudou, quem sabe, né? Vou ler quando tiver a oportunidade!
    Um beijão,
    Gabs | likegabs.blogspot.com ❥

  4. Oi Miriã!

    Menina que resenha mais fofa 🙂 me parti o coração sabe que pessoas acima do peso sofre tanto preconceito e humilhação, principalmente na escola! Logo de cara já adorei a personagem, fico imagino como séria essa mudança a evolução dela depois de tanto tempo sabe? Ainda mais estando frente a frente com cara que chamou ela de elefante, um situação difícil mas que acredito que personagem nos fez sentir muito orgulho dela, eu com certeza leria este livro.

    Beijinhos

    https://resenhaatual.blogspot.com.br/

  5. Oi, Ingrid. Foi bem divertido ver o lado da pessoa que já sofreu bullying e a maneira como ela lidou com isso. Geralmente os livros só retratam essa situação na adolescência, e não mostra os personagens já maduros e lidando com o assunto. Gostei muito do desenvolvimento da personagem, ela é muito fofa.

@blogcapitulotreze

Por quê você precisa assinar o Amazon Prime? 8 motivos para assinar o Kindle Unlimited Todas as edições de Harry Potter publicadas no Brasil Como economizar na hora de comprar livros? Presentes para dar no Dia dos Namorados