Tem uma galera, principalmente meninas, do meu Facebook que simplesmente amam doramas e ficam horas assistindo esses programas, mas como já fui apaixonada por mangás, uma fase que vergonhosamente não me orgulho muito, eu nunca me interessei de fato para saber bem o que era. Se você também não sabe do que estou falando, aí vai uma definição sobre doramas:

…também nomeado como dorama ou j-drama, é a designação dada aos dramas televisivos em língua japonesa realizados pela televisão do Japão. Todas as principais redes de televisão do país produzem uma variedade de séries dramáticas, incluindo romance, comédia, histórias de detetive, horror dentre outros.

Porém, há um tempo atrás estava vendo alguns vídeos sobre Gossip Girl, e acabei vendo um trailer de um dorama chamado Destiny to you, e eu fiquei tão curiosa a respeito da história que resolvi procurá-la para assistir. Pena que o trailer que vi é um teaser que ainda irá lançar esse ano, mas como Fated to love you (nome original) já teve vários remakes, resolvi assistir esse feito pela galera coreana.

A doce, esforçada e tímida Kim Mi Young (Jang Nara) tem muito pouco quando se trata de educação, beleza ou saúde. Mas tudo muda em uma fatídica noite de amor acidental com o mimado e rico herdeiro da empresa da família Lee Gun (Jang Hyuk). Sua insignificante existência se transforma completamente quando descobre que está grávida e que deve entrelaçar sua vida à dele em um casamento às pressas. O casal decide tirar o melhor da má situação, porém quando Lee Gun começa a mostrar sua afeição crescente por Kim Mi Young, seu primeiro amor volta à cena para reivindicar sua posição.

Basicamente a história fala sobre a noite de amor acidental da desinteressante Kim Mi Young e o CEO de uma empresa, Lee Gun. Mi Young acaba engravidando e por isso se casa com Gun. Gun ama Se Ra, uma bailarina profissional e era ela que ele queria pedir em casamento, mas a convivência com Mi Young vai mudando seu jeito de pensar. Porém, a história dá uma guinada de 360º graus e ambos acabam se separando.

Fated to love you pode ser visto de duas partes, já que a primeira é quando os personagens principais se vem casados e a segunda é três anos após isso. A sinopse pode parecer meio boba, mas há realmente um drama aqui e uma história mais profunda. É feita pra chorar, ao mesmo tempo que matar o telespectador de tanta fofura.

Como nunca tinha assistido um dorama, achei tudo meio dramático e exagerado demais. É tudo muito fofo e ao mesmo tempo idiota. As ações e interpretações dos atores são MUITO aquém das possibilidades. Enquanto Gun é engraçado, um pouco idiota e tem uma risada assustadora, Mi Young é meio bobinha e muito tímida. É um casal bem impossível, mas é claro que eles acabam encantando o coração de quem os assiste. Eu devo dizer que acho estranho esse “recato” por parte das orientais, elas fingem uma timidez tão grande que é impossível acreditar que isso possa existir na vida real. Além disso, os homens são estranhos (ao menos no dorama) e até o jeito deles de falar consegue soar diferente e bizarro. Fico me perguntando se eles são realmente assim ou se só pintam essa característica para fazer os animes/programas de TV.

A história em si é bem legal. É fofo ver ambos os personagens se aproximando e eventualmente se apaixonando, mesmo que demore 10 episódios para eles darem um beijinho sequer, e olha que foi um beijo que eu daria na minha avó de tão sem graça. Acho que senti falta de momentos sensuais na trama, de momentos do dia a dia que a maioria dos casais fazem hoje em dia – eu nem sei se existem doramas assim mas se tiverem, me dê uma indicação aí nos comentários *como disse, esse recato das orientais é muito estranho*.

Eu amei a Mi Young, ela é muito amorzinho, daquelas que dá vontade de apertar a bochecha de tão fofa. E gente, pensa numa menina que come! Acho que nunca vi uma personagem comer tanto que nem a Mi Young. Já Gun é muito idiota, meu Deus, mas ele com certeza é um personagem cômico, que traz uma graça diferente ao programa.

O final foi bem fofinho, teve momentos que realmente me emocionei com a obra e outras vezes achava que ela poderia ter tido bem uns dois episódios a menos, mas no fim gostei de tudo. Foi uma primeira experiência muito boa para quem realmente não curtia nada além de animes e mangás, e quero muito poder assistir outras, então quem gosta e quiser me indicar algum bem legal, fique a vontade.

Posts criados 1379

24 comentários em “Minha primeira experiência com doramas

  1. Oi, Mika!
    Faz tempo que estou ensaiando para assistir um dorama, mas falta vontade ainda.
    Assim como você, no meu Facebook tem muitaaaaaaaaaaa gente que ama.
    Uma hora vou acabar assistindo.
    Achei a história desse que você viu bem fofo.
    <3
    História amorzinha, apesar de meio boba.
    E é engraçado falar de recato, eles demorarem mil anos para dar um beijinho, mas ela ficar grávida logo de cara, haha.

    Beijooos

    http://www.casosacasoselivros.com
    http://www.livrosdateca.com

  2. Oi Miriãn!

    Eu assisti um Dorama até hoje, ele super fofo também e me conquistou logo no primeiro episodio, eu comecei assisti outro mas não terminei até hoje hahaha, no incio eu achei bem estranho até o terceiro episodio mais o menos, mas depois foi tranquilo, eu não me incomodo tanto com drama e o exagero deles, por que eu assisto anime então para mim e mesma coisa só que, com pessoas reais kkkkkkk, eu acompanho uma brasileira que mora no japão e eles não são exagerados assim em questão de modos, são muito corretos e respeitosos, mas não como nessas coisas, e sensual acho que tem poucos viu?

    Beijinhos

    Resenha Atual

  3. Eu não tenho paciência nem para assistir séries, quem dirá doramas, kkk.
    Confesso que já li algumas resenhas de doramas que me deu vtd de tentar assistir, mas realmente… me faltou mesmo paciência.
    Esse recato das orientais acho que é normal por lá, por que uma amiga minha foi para o Japão e me contou algumas coisas que eu acabei associando a essa impressão que você diz que teve.
    Gostei da sua visão sincera sobre a trama que assistiu.
    Beijo, http://www.apenasleiteepimenta.com.br

  4. Oi Mi! Eu acho muito, muito difícil ter algum dorama com algo mais que um simples beijo, faz parte da cultura deles, é assim mesmo rs Eu AMO Fated To love you, mas a versão taiwanesa, daí depois de passar centenas de episódio acompanhando essa história, confesso que não tive pique pra ver a coreana kkkkkkk mas eu acho o enredo bem engraçado e torci muito pelo casal protagonista. Espero que vc curta outros tb!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

  5. Oi, Mi

    Eu acho que não estranharia esse recato, pois se até mesmo para rir elas são mais contidas quanto mais para outra coisa! hahaha
    Eu sempre vejo o povo falando sobre doramas aqui na blogosfera e sempre bate aquela curiosidade, mas eu tenho gastura de ver pq acho todo mundo muito igual, me dá muito nervoso! ahhahahaah
    Que bom que no geral foi uma experiência boa.

    Beijos
    – Tami
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

  6. Oi, Mika!
    Eu não entendo muito dessa cultura e não sei muito bem o que são doramas haha
    Eu já tentei assistir algumas série que tem no Neflix – bem curtinhas, não sei se isso é um dorama haha – e não consegui gostar muito.
    Eu só achava tudo muito engraçado pela forma que os personagens se portavam e como eles eram bem idiotas hahaha
    Preciso começar a conhecer mais sobre esse mundo!
    Beijinhos,

    Galáxia dos Desejos

  7. É uma coisa meio sem noção, Teca. Eu não entendo todo esse recato, me faz parecer que eles são bobos demais, dá até agonia, mas no fundo eles acabam cativando você. Eu pretendo assistir outros, mas que sejam realmente bons.

  8. Oi Mika!

    Eu vejo muitas meninas comentando nas redes sociais, mas nunca tive vontade de conferir. Me parece muito história de novela do tipo pastelão. Ultimamente não tenho paciência nem para as novelas daqui quanto mais para as de fora. Sem contar que as histórias me parecem muito clichês. Quem sabe um dia dou uma oportunidade rsrs…

    Que bom que você gostou!

    Beijos

    Vivian
    Saleta de Leitura

  9. Oi, Ingrid. Eu também assisto anime e leio mangás, mas mesmo assim ver pessoas tão recatadas me incomoda demais, chega a ser algo muito irreal pra mim. Tem esse negócio do respeito, mas nem isso chega a tanto.

  10. Oi, Mi. Essa só tinha 20 episódios, mas com 1h de duração cada, mesmo assim consegui assistir tranquilamente. Eu cansei de assistir! Perdi muito tempo com essa, vou dar um tempinho antes de arriscar nas outras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionados

Procura algo? Digite aqui e clicle em enter para pesquisar. e ESC para sair

Conhecendo termos literários Como limpar seus livros e a sua estante? 5 formas de ler e-books 5 livros com CEO que não são babacas 8 livros para chorar