A melhor escolha – Josiane Veiga | Resenha

Apaixonei-me por Benjamin na escola… E durante toda a minha vida o observei ao longe, vendo-o progredir, ter sucesso, mulheres e dinheiro.Ao longe… Sem atrever-me a acreditar que um dia nós uma chance.Então ele surge com uma proposta.“Seja a mãe dos meus filhos”.Como recusar sendo que esse é meu maior desejo?

A melhor escolha é o primeiro de uma duologia que vai contar a história de Benjamin e Helena. Ambos se conheceram no colégio e desde então são melhores amigos. Mas já na tenra idade, Ben acabou engravidando sua namorada na época e se viu obrigado a casar-se com ela, principalmente porque na cidade de Esperança, todos são tradicionais e não veriam com bom olhos um pai solteiro.
A amizade entre eles seguiu firme e forte, mesmo com o divórcio dele poucos anos depois. Agora Helena era constante na vida de Ben e sua pequena filha, mas Benjamin queria mais. 
Ele estava disposto a se tornar pai outra vez se isso fosse dar segurança e um irmãozinho à sua filhinha de quase seis anos. Só que ele não queria se envolver emocionalmente com ninguém, sentimentos só o fizeram sofrer. É por isso que Helena se tornou tão importante em seu plano. Ela era sua melhor amiga, o conhecia por inteiro, e poderia ser a mãe de seu filho também.
É claro que Helena não vibrou com a oferta de Ben. Pelo contrário, se sentiu ultrajada, mas com o passar dos dias que foi pensando melhor, resolveu aceitar, afinal, sempre fora apaixonada pelo melhor amigo e seria a sua grande chance de ficar com ele, mesmo que não da forma que gostaria.
A melhor escolha é um livro com poucas páginas, narrativa simples, gostosa e cheia de cenas quentes. Se você gosta de eróticos mas não curte perder tanto tempo com eles, leia as obras da Josi porque passam super rápido!
Helena é uma mulher marcada por um triste fato em seu passado. O pior é que todos na cidade de Esperança a julgam por isso, mesmo que ela não tenha culpa do ocorrido. Mas Ben é o único que não a enxerga dessa forma. Enquanto a olhavam atravessado, ele foi gentil e educado, e não foi à toa que ambos continuaram amigos depois de tantos anos. 
Eu achei muito legal a forma como Ben tentava mostrar a Helena que ela era especial para ele e sua filha, que ela não era definida pelos acontecimentos do passado e que o seu valor real era muito precioso. É claro que a proposta dele para torná-la mãe de seu filho balançou um pouco as coisas. Isso porque Ben não teve o menor tato ao abordar o assunto, e já sabem né? Maus entendidos sempre ferram com tudo.
Mas o que ele não contava era que Helena era completamente apaixonada por ele e estava cansada de sempre viver à margem de sua vida. Quando ela aceita se entregar e se tornar mãe do melhor amigo, as coisas mudam completamente.
Ben não percebeu de cara, mas Helena sempre estivera ali para ele. Seja como uma boa amiga, seja como madrinha de sua filha. E é através da pequena que ele vai começar a entender o papel de uma mulher como esta em sua vida. E menina, as interações dele com a filha são a melhor coisa deste livro! Alice só tem seis anos mas é tão esperta e constantemente tem ataques de birra que é divertidíssimo ver como Ben lida com isso. A falta de uma presença materna faz com que ela se apegue a Helena, com quem tem uma ótima relação, para consternação do seu pai a quem nunca obedece.
Eu achei esse livro bem fofo! É claro que tem algumas cenas mais quentes, mas é uma obra que fala sobre família. Em breve trarei a resenha do segundo, mas já indico a duologia!

Irmãos Gatti #1 | 196 páginas | Editora Amazon | Nota: 4/5

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

24 thoughts on “A melhor escolha – Josiane Veiga | Resenha

  1. Eu li quando tava na promoção pela Amazon, e que bom que vc gostou da leitura, quando li gostei de algumas coisas e de outras… nem tanto.
    A começar pela escrita, achei a autora boa e com bem intensidade, claro que houve uma inconsistência aqui e acolá mas nada que atrapalhasse o desenrolar da história, a autora claramente tem talento. Maaas, por exemplo, sobre o passado trágico dela achei que foi jogado ali e depois não houve nenhum debate sobre o ocorrido, sendo que um peso dessa magnitude é crucial que algo seja dito mesmo depois do passar dos anos, pelo menos. Senti que alguns personagens foram introduzidos só para preencher aquele respectivo buraco e depois nunca mais se ouve falar.
    Gostei do romance, das cenas cômicas, tem aquela ponta de clichê mas ao mesmo tempo também foge um pouquinho disso.
    Logo depois de ler o primeiro parti pro segundo e o ritmo se mantém similiar, sabe? é mais direto ao ponto, tem boas cenas e o desenrolar se mostra divertido também.

  2. A Melhor Escolha tem todos os elementos de um romance fofo que aquece o coração. Melhores amigos, amor platônico, propostas malucas, um pouco de drama e uma criança fofa.
    Já quero ler

  3. Olá…
    Eu nunca li nada da autora, mas, fiquei bastante curiosa pra ler essa duologia! A MELHOR ESCOLHA parece ser o tipo de leitura que curto, então já anotei nos desejados. A minha única ressalva é que não curto muito cenas hot…
    Aguardo ansiosamente a resenha do segundo livro.
    Bjo

  4. Gosto mesmo desses livros rápidos de ler, mas que trazem histórias emocionantes. Fiquei curiosa para ver mais da relação/interações do Ben com a Alice, além da Alice com a Helena (ainda mais pela criança não ter mãe).
    Beijos

  5. Oi Mika!
    Eu gosto muito dessas premissas clichês, mas não gosto tanto de erótico para me interessar verdadeiramente pelo livro. E já imagino o jeitão que o Benjamin chegou fazendo a proposta pra Helena, homem vale de nada mesmo, KKKKKKKKKKKKKKKK. Mas de qualquer forma acho um pouco triste que a Helena tenha enxergado nisso a chance de ficar com ele, sabe? Tipo assim, "ah, já que não tem outro jeito". Enfim, eu sei, sou muito chata.

    Beijo!
    https://www.roendolivros.com.br/

  6. Não acredito, que livro lindo e só isso de páginas! Mas é hoje que eu leio ele haha
    Nossa, essa é a melhor combinação pra mim, livro erótico, filhos, amigos… caramba, será que leio de imediato ou leio no final de semana? Sempre via o livro mas nem fazia ideia que se tratava disso.
    Jardim de Palavras

  7. Olá Miriã!
    Já estou sorrindo aqui com a perspectiva de ver Ben lidar com a filha birrenta rsrs. Esse tipo de proposta sempre acaba criando a maior comoção entre os personagens, ainda mais feita sem tato. Fiquei curiosa para saber o que aconteceu de tão grave no passado de Helena, mas já estou feliz de saber que ela teve o apoio do amigo durante todo esse tempo. Tem livros hot que me irritam às vezes com a enrolação, por isso acho que vou gostar de uma história mais curta.
    Beijos

  8. Que história linda e muito fofa. Essa relação de duas pessoas que são amigas e não abandonam uma a outra. Essa escolha de ter um filho do melhor amigo (mesmo gostando dele) deve ser bem difícil. E a relação da Helena com a filha do Benjamim é muito fofa. É uma história que com certeza eu leria.

  9. Miriã!
    Adoro quando os romances tem crianças, elas são espirituosas e sempre conseguem o que querem, inclusive unir os adultos.
    Tomara que Bem abra os olhos para o o amor de Helena e saiba retribuir de todads as formas.
    Adoro quando tem trechos hots.
    cheirinhos
    Rudy

  10. Eu amo um bom livro erótico, ainda mais se ele vier com uma história também e pelo que li acima, esse livro apesar de "pequeno", tem uma história linda e leve junto.
    A capa é um mimo só e tem uma criança rs e tem romance e tem hot!
    Precisa mais nada.
    Listinha de desejados com toda a certeza do mundo!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

  11. Olá, Miriã.
    Eu já li um livro da autora que gostei bastante. A Escrita dela prende a gente. E me interessei por esse também. Principalmente pelas interações com a Alice que já sei que vou amar. Assim que der vou ler ele.

    Prefácio

  12. Olá! Eita que essa amizade está um tanto quanto estranha hein, afinal eles são amigos a tanto tempo, será que o Bem não percebeu?! Se bem que estamos falando de um homem e bem sabemos o quanto eles podem ser… distraídos! Confesso que o que mais despertou meu interesse na história foi a pequena Alice.

  13. Oi Mii!
    Então, ultimamente vejo você lendo livros bem curtos e clichê. Afinal só faz aumenta a minha lista, vamos desacelera ae mulher. kkkkk
    Amei a trama, bem envolvente e clichê, obvio. Já estou aqui desejando ler e acompanhar essa jornada dos personagens.

    blog: Tempos Literários

  14. gosto desse tipo de romance em que os dois não construindo a relaçao aos poucos ,romances que tem personagens que se respeitam que trata o outro com gentileza é tudo de bom
    dica anotada

  15. Para quem gosta do gênero, realmente ele parece ser ótimo para ser lido. O fato do livro conter uma narrativa simples e nenhum grande acontecimento não do livro ser, necessariamente, ruim. Apesar disso, eu confesso que não curto muito livros nesse estilo.

  16. Oi!
    Sei que muitas pessoas não gostam de livros eróticos, mas esse por ser curtinho pode ser lido em horas e passar o tempo, sair da ressaca.
    Tem uma premissa atraente, mas é uma a pena Helena aceitar essa proposta por amar Benjamin.
    Beijos

  17. Oii,
    Não conhecia o livro, mas parece ser daqueles romances bem fofos e bom para passar o tempo.
    A Helena parece ser muito forte, embora sofrida.
    E Ben bem galã kkkk
    Mas acho que por ser mais hot eu não ia gostar.
    Bjs

@blogcapitulotreze

Livros baseados na história de Cinderela Por quê você precisa assinar o Amazon Prime? 8 motivos para assinar o Kindle Unlimited Todas as edições de Harry Potter publicadas no Brasil Como economizar na hora de comprar livros?