A Bianca do Queria estar lendo fez um post muito legal falando sobre alguns livros que ela leu no passado e que hoje não leria de novo, e como eu adorei o teor do post, resolvi copiar e trazer para o blog. Assim como ela, vou deixar claro que o que vou falar sobre os livros abaixo não tem o propósito de ofender ninguém, somente comentar com vocês minha opinião sincera a respeito do que achei deles. Além disso, você não precisa concordar com o que vou dizer, mas respeitar, certo?

Sem mais delongas, vamos lá…

A era de ouro do pornô – Zeka Sixx

Esse foi o primeiro livro que li de parceria aqui no blog, e fiquei tão animada com a ideia de poder ler algo de um autor nacional que relevei muita coisa ao fazer minha resenha sobre ele. Na época dei nota 4, mas confesso que achei o enredo do livro muito estranho. Talvez seja pelo gênero e o tema, no qual não estava acostumada na época que li, só sei que provavelmente nunca mais abrirei esse livro na vida. A era de ouro do pornô tem um protagonista pouco carismático, alguém que se deixa levar pelo sexo supérfluo, drogas e bebidas, e reviver todo esse processo de “fundo do poço” é muito maçante.

O teorema Katherine – John Green

Fiquei em dúvida se comentaria sobre O teorema Katherine ou Cidades de Papel, mas os livros são tão ruins que vou falar dos dois. Todo mundo sabe meu ranço com o John Green, e mesmo que ele seja um autor renomado aqui e lá fora, eu não consigo entender como as obras dele vendem tanto. O teorema Katherine é de longe o livro mais chato dele. Já não gostava de matemática mas passei a odiar depois que li esse livro. 90% do enredo não acontece nada, e quando está faltando apenas 20 páginas para o fim, o autor faz algo acontecer.

Cidades de papel é outro livro muito meia boca. Um personagem que vai atrás de uma guria que pouco se importa com ele a metade do livro já foi extremamente sem noção, e no fim ela mal agradece a ele. Simplesmente não! Pra mim o autor se perde muito e exagera na filosofia barata, enquanto o enredo que merece real atenção não tem.

Crepúsculo – Stephenie Meyer

Eu gosto da escrita da Stephenie Meyer e curti muito Crepúsculo quando li pela primeira vez, mas hoje em dia estou simplesmente saturada de vampiros e Bella Swans, sem contar que eu não consigo desvincular a Kristen Stwart da personagem principal, que simplesmente acabou com o filme com sua atuação furreca. Não leria outra vez mas gosto da saga, mesmo que todo mundo goste de meter o pau.

Percy Jackson e o Ladrão de Raios – Rick Riordan

Quando eu estava no ensino médio eu lia muita fantasia e aventura, hoje que eu não consigo mais ler livros assim, mas na época amava mitologia grega e por isso os livros do Rick Riordan fizeram tanto sucesso comigo. Mesmo amando a obra, que é um xodó meu, não leria outra vez. Morro de preguiça de ter que reler os cinco livros de novo e ver o Percy escolhendo a Annabeth no lugar da Calipso, simplesmente não consegui superar meu ship errado.

Mil beijos de garoto – Tillie Cole

Mil beijos de garoto foi um dos primeiros livros que li no início desse ano e eu chorei tanto e sofri tanto que eu não quero nunca mais ter que reler essa história. A jornada dos personagens e o romance deles é lindo mas extremamente sofrível, eu me cansei de tanto chorar, fiquei com aquela sensação de vazio a cada vez que terminava um capítulo e quando tudo acabou, senti que meu mundo ruiu. Não quero ter que reviver tudo isso então mesmo tendo adorado Mil beijos de garoto, eu jamais lerei essa história novamente.

Mesmo com o teor do post eu até que fui bem boazinha com os livros, o que vocês acham? Tem alguma história que vocês não querem ler outra vez? Conta mais!

Posts criados 1379

26 comentários em “5 livros que eu jamais leria novamente

  1. Oi Mi,
    Eu só releio aqueles que eu me apaixonei perdidamente. Acho que até hoje, eu só reli os Harry Potter e As Batidas Perdidas do Coração, rs.
    Fico com um pouco de peso na consciência ao reler uma obra, sendo que tenho várias encalhadas na estante há anos, rs.
    P.S.: Mil Beijos de Garoto foi um dos melhores livros que eu li, mas não sei se tenho coragem de lê-lo de novo, porque a mágica é descobrir o final e como eu já sei, não sei se choraria, sabe? 🙁
    Beijos
    https://estante-da-ale.blogspot.com

  2. Oi, Miriã! Me identifiquei com o seu post, tem livros que por mais que a gente ame não quer reler (é por isso que troco tanto no Skoob rsrs) e outros foram porque deixaram trauma mesmo rsrs
    Desses que você mencionou, não leria Percy Jackson e Crepúsculo de novo por serem séries extensas, apesar de terem histórias muitos boas; e compartilho com você minha implicância com Cidades de Papel, foi tão difícil engolir esse livro que nem quis ler "O teorema Katherine" que, pelo visto, é um dos menos queridos do autor.

  3. Adorei o post e tua sinceridade. Sobre o livro do pornô, passei por uma dessas e tenho certeza que nem abrirei mais o livro. A parte de John Green eu ri porque é justamente isso, não sei se gosto menos de O Teorema Katherine ou de Cidades de Papel. Os dois foram chatíssimos e na verdade só consegui gostar mais ou menos de A Culpa é das Estrelas por causa do clichê bonitinho (não sei se leria de novo) e o meu único favorito dele Tartatugas Até Lá Embaixo! Quero fazer um post assim também hahahha

    Beijos
    Próxima Primavera

  4. Oi, Ale
    Eu também sou que nem você mas algumas trilogias eu leio novamente, como Cinquenta tons de cinza e Peça-me o que quiser, que eu simplesmente amo e li umas três vezes.
    Mil beijos de garoto é um livro lindo mas eu sofri muito com ele, quero passar por isso de novo não.

  5. Oi, Lídia
    Eu tenho um ranço absurdo do John Green, não sei nem como consegui ler três livros do autor sendo que todos são tão chatos quanto ele. Simplesmente não consigo ler mais nada dele.

  6. Oi, Clarissa
    A maioria das vezes que lia esse livro do pornô sentia só nojo, das coisas que o protagonista fazia, ao menos era um livro curto.
    Eu detesto o John Green, os livros dele são muito ruins. ACEDE até tinha curtido mas tinha muitos momentos que poderiam ter sido tirados da trama.
    No fim, eu prefiro não ler mais nada dele.

  7. Olá, Miriã.
    Você foi bem boazinha mesmo hehe. Eu reli Crepúsculo e leria novamente. Percy Jackson também porque amo hehe. Já os livros do Green eu nem leio mais nenhum porque depois de insistir em quatro livros vi que não vou gostar do autor mesmo hehe.

    Prefácio

  8. Oi, Miiii

    Aiii, eu leria novamente Crepúsculo! hahahahahah
    E por mais que eu tenha certeza que vou morrer novamente, leria Mil Beijos de Garoto novamente. É masoquista que chama? hahahahahahhahahaa

    Eu não leria novamente Belo Desastre (eca), Assassinato no Expresso do Oriente e O Beijo Traiçoeiro.

    Beijos
    – Tami
    https://www.meuepilogo.com

  9. Oie,
    Me surpreendi com O teorema Katherine e Crepúsculo.
    Eu gostei bastante de O teorema, apesar de concordar em certo ponto com você em relação a Cidades de Papel, digo isso porque assisti o filme antes de ler o livro, e achei a história tão decepcionante que decidi que não leria o livro, e não li.
    Crepúsculo eu perdi a conta de quantas vezes li a saga haha, mas tem tempo.
    Beeijooo!!

    Grazy Carneiro
    Meus Antídotos

  10. Oi, Mika!
    Eu acho que nunca mais vou ler Crepúsculo também. Eu guardo os livros com muito amor, pois na época ele foi uma surpresa adorável pra mim e meu carinho por eles são enormes. Apesar disso, eu peguei um ranço tão grande por causa dos filmes, que só de pensar neles, fico chateada e com preguiça hahahaha
    Beijinhos,

    Galáxia dos Desejos

  11. Oi No, concordo com você em relação a Teorema Katherine, no meio do ano passado peguei esse livro emprestado na biblioteca, mas desisti logo nas primeiras 20 páginas porque não me parecia uma história com um enredo BOM sabe? Amei o post, Beijos!

  12. Oi Mi, tudo bem?
    Eu vi o post da Bianca e adorei também!

    Menina, me identifiquei com "Crepúsculo". Eu li toda a saga, mas não leria novamente nenhum deles. Aliás, passo longe! Infelizmente para mim os filmes estragaram toda e qualquer trama que envolva vampiros.

    Recentemente "Mil Beijos de Garotos" entrou na minha lista de desejados e todas as opiniões que leio a respeito do livro são parecidas: livro lindo, mas muito sofrido! Confesso que estou cada vez mais curiosa para saber o que essas páginas reservam, mas também tô ficando receosa.

    Beijos
    http://espiraldelivros.blogspot.com/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionados

Procura algo? Digite aqui e clicle em enter para pesquisar. e ESC para sair

5 livros para ler ainda em 2021 8 livros para ler no Halloween 6 livros para ler durante a infância Conhecendo termos literários Como limpar seus livros e a sua estante?