A história de Liv e Dean continua no segundo volume da série Espiral do desejo. Depois de quase verem seu casamento destruído por mentiras e desilusões, Dean e Olivia retomam sua jornada mais unidos e apaixonados do que nunca. O professor de história medieval e sua amada esposa estão determinados a consertar os erros do passado e sabem que, para isso, terão que unir forças para derrubar barreiras erguidas ao longo de anos. Uma inesperada crise envolvendo os pais de Dean acaba, contudo, dragando-o de volta à espiral de culpa, ressentimento e amargura que marcou sua juventude. Tudo o que ele mais quer é proteger Olivia, mas, dessa vez, ela se recusará a cumprir o papel de esposa frágil e delicada. Ao lado de seu grande amor, Olivia enfrentará os mais terríveis fantasmas da família West — até mesmo os segredos escondidos a sete chaves.

Erótico, romance | 280 páginas | Editora Paralela 

Após a breve separação que estremeceu o casamento de três anos, Liv e Dean precisam reconstruir a confiança um no outro. Agora com a notícia da gravidez, algo que nem ela e seu marido estavam planejando, fica mais difícil a relação voltar ao normal de novo.
Se não fosse só isso, Dean recebe a notícia de que seu pai sofreu um infarto, e agora ele precisa viajar com a esposa até a Califórnia para lidar com a situação. Mas a família West tem muitos segredos e a aproximação de Helen, ex-esposa de Dean, pode trazer mais inseguranças ao casal. Enquanto Dean quer proteger Liv de toda a culpa e mágoa que assola sua família, ela quer andar com suas próprias pernas e não depender tanto do marido. 
Despertar, primeiro volume da série Espiral do Desejo, foi uma descoberta e tanto pra mim. Nunca tinha lido um erótico focado exclusivamente no relacionamento de marido e mulher, e eu gostei muito dessa abordagem, apesar de ter passado algumas irritações com os personagens, principalmente Liv, que fez coisas que eu não concordei no primeiro livro. 
Agora no segundo volume, Desejar, o casal ainda está lidando com os acontecimentos dos últimos meses e tentando reerguer a confiança que ambos tinham um no outro. Dean se sente culpado por Liv ter se afastado dele, assim como ela tem que lidar com o fato de estar grávida, algo que nunca quis porque sua própria infância foi terrível, contando com uma mãe relapsa e negligente. 

Em meio a isso, Dean ainda precisa lidar com a família problemática, com quem não manteve contato por anos. Seu jeito protetor acaba sufocando Liv, que quer tomar suas próprias decisões assim como lutar suas próprias batalhas. O que culmina no desenvolvimento da personagem, que é muito bem feito. Liv passa a não querer depender tanto do marido, procurar uma forma de se sustentar sozinha já que o salário do professor é o que sustenta todas as despesas da casa, ainda mais agora que tem um bebê prestes a chegar. 
Para isso ela precisa se provar como também provar a Dean que consegue caminhar sozinha, e também a família dele, que não a vê mais do que uma pobre coitada que Dean insiste em proteger. Eu amei ver um ar mais maduro na personagem. No primeiro livro ela é uma mulher cheia de inseguranças, que vive as custas de Dean, mas nesse volume Liv começa a se soltar mais, ser mais segura de suas próprias decisões e impôr suas vontades, mesmo que ainda seja difícil pra ela fazer as coisas sem pedir apoio ao homem que jurou protegê-la e fazer tudo por ela.
E por falar em Dean, só consigo pensar em Que Homem! Esse ar de professor de História Medieval + Homem sexy e do lar é muito cativante. Apesar de todos os segredos que escondeu da Liv sobre já ter sido casado, o que estremeceu o casamento, Dean continua sendo incrível, dando sempre o apoio que sua mulher deseja, assim como procurando melhorar a relação. Eu ainda não consigo perdoar a Liv pelos acontecimentos do primeiro livro, por isso acho que tomei partido por parte de Dean, o que me fez gostar mais ainda nele nesse livro. Mas não tem como não se apaixonar, ele é simplesmente incrível! E o melhor de tudo, é que apesar de sempre querer proteger Liv e se culpar pelo passado da esposa e tudo o que ela passou antes de conhecê-lo, algo que ele nem pode controlar, ele não a vê como uma inútil que nem todo mundo diz. Ele acredita no potencial dela, assim como deseja que ela consiga achar algo onde se encaixe e possa lhe fazer feliz. (É pra casar ou não é?)
O livro assim como o primeiro é regado a muitas cenas eróticas, então pra quem não gosta muito, pode acabar soando repetitivo. Pra mim não teve problemas porque eu gosto da temática e é muito legal ver a convivência de um casal, até porque o casamento não acaba com o sexo, então nada mais que natural do que ter cenas quentes na trama, né?
Eu amei demais esse livro! Ele passou voando, tanto que terminei ele em um dia, e eu fiquei louca para ler o último, pena que ainda preciso esperar alguns dias para o lançamento. A autora focou mais no desenvolvimento dos personagens e na reconstrução do casamento que antes era ideal, e que hoje passou por poucas e boas, e o fato dela ter focado nisso foi o que me fez gostar tanto da história. É um livro que eu indico primeiro para quem gosta de eróticos, mas também quem gosta de ver uma abordagem diferente no gênero.
Posts criados 1379

10 comentários em “Desejar – Nina Lane | Resenha

  1. Oi Mika. Eu vi várias postagens sobre esse livro e o primeiro, mas confesso que não surgiu aquele interesse. Acho que a capa foi um pouco desmotivadora, porque não curti tanto assim, e saber um pouco mais sobre o segundo livro me mostrou que não seria uma história que eu gostaria tanto assim de ler. Apesar da tua nota 5, acho que essa dica vou deixar passar.
    Beijos
    http://espiraldelivros.blogspot.com/

  2. Oi, Mi

    Realmente sexo em um casamento é super natural, mas não do jeito que acontece no primeiro livro: toda hora! Confesso que apesar da sua resenha, de você falar que a personagem cresce e tal, estou BEM com o pé atrás. Espero me surpreender positivamente, mas estou esperando pelo pior.

    Beijos
    – Tami
    https://www.meuepilogo.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionados

Procura algo? Digite aqui e clicle em enter para pesquisar. e ESC para sair

Autores nacionais para conhecer Um clichê, um livro Conheça os contos de Blackout Review: Um amor desastroso Review: A maldição do mar