Sinopse: Neste divertido romance de estréia de Sarah Mason, Um amor de detetive, os opostos se encontram e – como não poderia deixar de ser -, também se atraem. A bela Holly Colshannon é uma ambiciosa e desastrada jornalista da Bristol Gazette. James Sabine (apenas um pouco mais bonito que ela), é um sargento-detetive durão, grosseiro e ressentido. Levados pelo acaso , eles se encontram diversas vezes por conta de uma série de coincidências bastante oportunas. Rapidamente, a determinada Holly vê em James a grande chance de progredir em sua carreira e decide segui-lo por um período de seis semanas a fim de escrever uma coluna criminal, que poderá vir a ser o seu primeiro sucesso jornalístico. O lado positivo da situação é que ela consegue obter a tão sonhada coluna. O lado negativo é que o bonitão não está nem um pouco feliz com a presença constante de Hally em sua vida.

Chick-lit | 336 páginas | Editora Bertrand Brasil | Nota: 5/5

Holly Colshannon é uma das repórteres do jornal local Bristol Gazette. Desde que começou a trabalhar lá, ela sempre cobria colunas que ninguém queria cobrir, mas sua sorte parece que está para mudar, ou talvez não. Há uma nova vaga para a coluna policial, o problema é que a relação da polícia de Bristol com a imprensa não é nada boa e tudo parece piorar quando Holly conhece o sargento-detetive James Sabine, que não está nada satisfeito em ter essa moça destrambelhada em seu encalço.
Holly ficará seis semanas registrando o trabalho do detetive, assim como terá seis semanas para que ambos deixem as diferenças de lado e passem a melhor interagir. Mas mesmo que James seja incrivelmente lindo e dono de um porte de dar inveja, ele não está disposto a facilitar em nada a vida de Holly. Será que ambos irão conseguir se controlar ou o cupido terá que entrar no meio e dar uma forcinha?
Foto por Leitora Encantada

MINHA OPINIÃO

Esse é meu segundo contato com a autora Sarah Mason. Li um outro chick-lit dela que infelizmente não foi tão bom quanto este, então estou bem animada com esta resenha porque li Um amor de detetive com diversas ressalvas e no fim, fui surpreendida positivamente pela obra.
Primeiro ponto que devo comentar com vocês é que o livro não tem tanto foque no romance, acho que é algo que vários chick-lits britânicos tem. Ele está mais focado na coluna de Holly no jornal e no trabalho de seis meses dela como detetive. E acho que foi justamente por ter esse enfoque maior no trabalho de ambos os personagens que me fez gostar mais da história. Não é como se você fosse ver dois personagens com uma grande atração logo no começo da história, longe disso, James e Holly simplesmente não bateram o santo e constantemente vivem brigando, e é ao longo dessas seis semanas, com o convívio entre eles que um possível romance pode acontecer.
Foto por Leitora Encantada
Mas é claro que haverá alguns empecilhos como o fato de Holly ter um namorado jogador de rugby chamado Ben, e James está prestes a se casar no fim do mês.
Holly é uma personagem muito desastrada e é por isso que o livro é muito divertido. Ela vive tropeçando, pagando os maiores micos e constantemente indo para o hospital nas piores circunstâncias, imaginem só as cenas! Já James no começo tem um pavio muito curto, vive brigando com Holly e não suporta a presença dela no mesmo lugar. Mas quando ele não está dizendo coisas sarcásticas com sua língua ferina, pode ser considerado um ótimo amigo.
Foto por Leitora Encantada
É claro que eu torci o romance inteiro para que eles ficassem logo juntos, mas como disse, há o fato de que James vai se casar com uma pessoa que é aparentemente perfeita e o fato de Holly demorar anos para perceber que gosta dele, o que é muito divertido quando isso enfim acontece. Os diálogos entre os dois são cheios de ironia, repleto de provocações e são bastantes engraçados. Uma das coisas que amei também nesta obra foi a maneira como a autora retratou bem o trabalho de ambos, principalmente o das investigações de crimes como roubos, estupros entre outros. A autora nos dá uma gama de detalhes de como essas coisas são resolvidas e todo o processo por trás disso, é claro que isso pode ser igualmente excitante para quem gosta de descrições do tipo ou igualmente chatas, para quem curte mais romance. 
Foto por Leitora Encantada
O fato é que eu adorei essa obra. Ela me divertiu como há tempos não me divertia e só agora percebi que ela faz parte de uma série, então é claro que vou ficar ansiosa para ler os outros volumes. O único triste é a capa do livro que convenhamos, poderia ser bem melhor haha o que vocês acham?
Posts criados 1379

24 comentários em “Um amor de detetive (Série Família Colshannon #1) – Sarah Mason | Resenha

  1. Oi oi querida!
    amei a resenha. Já tinha visto esse livro na livraria mas nunca li nem mesmo a sinopse. Gostei da premissa e do personagens cativantes. Espero encontrar esse livro novamente porque sua resenha me deixou curiosa.

    P.S também não curti a capa, por isso nunca peguei para ler.

    Beijoss, Enjoy Books

  2. Oi, Mi.
    Não conhecia esse livro e nem autora, fiquei sabendo dele por aqui no seu outro post.
    Me animei só com sua resenha, gostei de saber que apesar de ser sobre o nosso amado chick-lit o foco principal é a carreira, também gostei da personalidade da personagem, acredito que seria o tipo de amiga que gostaria de ter.
    E claro me identifiquei muito com o fato dela ser toda atrapalhada haha.
    Beijo

    Te Conto Poesia ♥

  3. Oi Mi! Já faz muitos anos que li esse livro! Fiquei bem feliz de relembrar aqui com vc! Foi um dos primeiro chick-lits britânicos que li e estranhei tb a questão do romance ou no caso a falta dele, mas fiquei o tempo todo torcendo para os dois hehehehehe e tb gostei da rotina da policia apresentada! Deu vontade de ler de novo hehehehe

    BJs, Mi

    O que tem na nossa estante

  4. Mi, que saudades desse seu cantinho <3
    Não conhecia esse livro e nem a autora, mas confesso que já me interessei só por saber que é um chick-lits britânico, hehe. A história parece bem divertida e parece ser um bom livro pra sair de uma ressaca literária, coisa que eu estava precisando há alguns dias atrás, rs.
    Beijos :*
    Me Cativastes

  5. Ta aí a resenha que eu estava esperando |O|
    Eu acho que esse livro poderia virar uma bela adaptação de comédia romântica para o cinema, kk.
    Eu não curto muito romance, mas estou me aventurando um pouco por meio desse tema, e por outro lado eu sou a-pai-xo-na-da por investigação criminal, ou seja, já coloquei esse livro na minha lista de futuras leituras.
    Eu achei a capa do livro bonitinha, só acho que ela poderia ser mais criativa, kkk.
    Beijo! http://www.apenasleiteepimenta.com.br

  6. Oi, Mi!!
    Esse livro tá na minha lista u.u
    Deve ser uma pedida maravilhosa pra curar ressaca literária, geralmente escolho esses mais descontraídos assim e dá super certo…
    Que bom que você gostou!
    Espero ler logo 😉

    Beijinhos, boa quinta pra você :*
    Sankas Books

  7. Oi lindona! Tudo bem? Não conhecia esse livro, mas me parece ser uma leitura bem leve e descontraída. As vezes é bom ler algo divertido e sair um pouco dos dramas e suspenses tensos que ando lendo ultimamente rsrsrs… Gostei da dica! Parabéns pela resenha!

    Beijos

    Vivian

    Saleta de Leitura

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionados

Procura algo? Digite aqui e clicle em enter para pesquisar. e ESC para sair

Compre agora o novo Kindle Paperwhite! Músicas para quem ama o universo de League of Legends Spoiler: 3º ato de Arcane Músicas com representatividade LGBTQ+ Bully Romance: o que é + indicações